Estudo aponta Cristiano Ronaldo como 2º pior batedor de faltas da história na Itália



Na sua temporada de estreia na Juventus, de Turim, Cristiano Ronaldo gerou grande impacto na equipe, mas apesar dos 27 gols anotados, nenhum partiu de cobranças de falta, fato que, segundo estudo, "condecorou" o português como o segundo pior batedor da história na Itália.

Ex-atacante do Real Madrid, Cristiano foi contratado na temporada passada e já venceu o Campeonato Italiano sendo protagonista no novo time.

Dos 27 tentos anotados, foram 21 no Italiano e seis na Champions League, porém, as cobranças de falta não são mais um ponto forte em seu arsenal de artilheiro.

Segundo as estatísticas disponibilizadas no site Sportbible, desde a sua chegada na liga, Cristiano bateu 18 faltas, mas nenhum chute entrou no gol adversário. Apenas um atleta conseguiu números piores que os do atacante português, trata-se de Camillo Ciano, ex-jogador do Frosinone, equipe que atualmente está na segunda divisão, que cobrou 21 faltas em uma temporada e não conseguiu balançar as redes.

Pior que não encontrar as redes adversárias, são as cobranças de falta que pararam na barreira ou sequer tomaram a direção do gol. Das 24 faltas cobradas na temporada passada, entre Italiano e Champions, 15 delas ficaram na marcação adversária, duas seguiram para a linha de fundo e apenas sete delas foram defendidas pelo arqueiro rival.

Apesar da marca ser negativa enquanto joga pela Juventus, durante toda a carreira, Cristiano já anotou mais de 40 gols de falta, a grande maioria deles foram garantidos enquanto ainda defendia as cores da equipe madrilena.

Post a Comment

Postagem Anterior Próxima Postagem