Fim da missão humanitária brasileira nas zonas Centro e Norte

Terminou, esta segunda-feira, a missão humanitária brasileira em Moçambique, depois de quarenta dias de trabalho, no resgate, busca e salvamento das vítimas dos ciclones Idai e Kenneth, nas zonas centro e norte do país.


Missão humanitária brasileira nas zonas Centro e Norte


Composta por quarenta bombeiros e militares, a equipa esteve envolvida na limpeza das vias de acesso, distribuição de alimentos e instalação de hospitais de campanha.


O chefe da equipa, Rafael Neves, disse que o grupo deixa Moçambique com o sentimento de dever cumprido e agradeceu o apoio prestado pelo governo, organizações da sociedade civil e população.
Fonte RM

Post a Comment

Postagem Anterior Próxima Postagem